MCom acompanha ligação da 1ª luminária inteligente 5G do mundo

A capital paranaense, Curitiba, deu a largada para o programa Conecta 5G, da Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial – ABDI. A iniciativa, que trata do desenvolvimento de luminárias inteligentes 5G, conta com o apoio do Ministério das Comunicações (MCom) e da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), além de parceria com o Parque Tecnológico de São José dos Campos. A Prefeitura Municipal de Curitiba e a operadora Ligga Telecom também participam do programa de forma pontual.

O Leilão do 5G abriu portas para que tecnologias como essa fossem viabilizadas. São inovações que podem melhorar substancialmente o dia a dia. Além de abarcar antena 5G, a luminária, por exemplo, é equipada com câmeras de videomonitoramento que contam com a tecnologia de reconhecimento facial – sistema que pode detectar e identificar o rosto de quem se aproxima, agregando como ferramenta de segurança pública – além de possuir sistema Wi-Fi, sensores de ruído e possibilitar a gestão de serviços semafóricos. O equipamento foi desenvolvido pelas empresas Nokia e Juganu e utiliza a tecnologia de chipset da Qualcomm.

O ministro das Comunicações, Fábio Faria, participou do evento de ligação da luminária, nesta quarta-feira (22), no Centro Cívico de Curitiba, onde fica a prefeitura da capital. “Curitiba pode comemorar porque está recebendo a primeira luminária inteligente 5G do mundo, e a cidade deve receber o 5G em agosto”, afirmou o ministro.

LEI GERAL DAS ANTENAS – A implantação do 5G requer a instalação de cinco vezes mais antenas em relação à rede 4G. Com o Leilão do 5G, a Anatel recomendou que as cidades adequem suas próprias legislações baseadas na Lei Geral das Antenas para garantir a instalação desses equipamentos. Enquanto isso, as luminárias inteligentes do Conecta 5G podem servir de infraestrutura para a transmissão do sinal. Nesta primeira fase, a luminária vai oferecer a rede 5G apenas para interligar equipamentos urbanos e uso empresarial. A estrutura vai utilizar faixas de radiofrequência que não entraram no Leilão do 5G.

CONECTA 5G – Curitiba é a primeira cidade a receber a luminária inteligente com antena 5G integrada pelo programa Conecta 5G. Além dela, outras 13 cidades vão receber o equipamento: Maceió (AL), Juiz de Fora (MG), Ceará-Mirim (RN), Petrolina (PE), Araguaína (TO), Jaraguá do Sul (SC), Picos (PI), Sorocaba (SP), Paraipaba (CE), Pato Branco (PR), Foz do Iguaçu (PR), Parauapebas (PA) e Canaã dos Carajás (PA).

Além do ministro das Comunicações, participaram do evento o Prefeito de Curitiba, Rafael Greca, o Governador do Paraná, Ratinho Jr, e o Presidente da Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), Igor Calvet, além de executivos de empresas parceiras do programa.

Source: Governo Brasileiro – Brasil Government
https://www.gov.br/mcom/pt-br/noticias/2022/junho/mcom-acompanha-ligacao-da-1a-luminaria-inteligente-5g-do-mundo

Primeiro passo para internet das coisas, Curitiba ganha luminária com 5G

Curitiba é a primeira cidade brasileira a receber um dispositivo público com antena 5G integrada. O equipamento de teste, uma luminária ao lado da sede da prefeitura, no Centro Cívico, é o pontapé inicial para o avanço da chamada internet das coisas, que ganhará outros capítulos em breve.

Receba as principais notícias do Paraná pelo WhatsApp

“Curitiba vai receber o 5G em agosto próximo”, afirmou o ministro das Comunicações Fábio Faria, entrevistado pela Gazeta do Povo no evento de lançamento do equipamento-teste, nesta quarta-feira (22), na prefeitura de Curitiba, dentro do programa Conecta 5G.

Para mostrar a qualidade do sinal, após a apresentação do projeto pelas autoridades um teste público foi feito, envolvendo um músico com um violino próximo à luminária e, outro, ao piano, dentro do espaço da prefeitura. A perfeita sincronia mostrou que a latência é mínima ao se usar o 5G.

Além de mais velocidade na conexão, sem muitas perdas, a luminária inteligente também exibe a imensa capacidade da tecnologia em relação a dados ao centralizar serviços integrados de vídeo monitoramento, gestão inteligente de semáforos e reconhecimento facial, entre outros. “A inovação só é válida quando se transforma em um processo social, beneficia e aproxima as pessoas”, disse o prefeito de Curitiba, Rafael Greca, durante o evento. “Quem estiver perto dessa luminária já poderá usufruir internet de alta qualidade a partir da rede wi-fi instalada no equipamento”, disse.

As primeiras inferências realizadas mostraram um alcance médio de 300 metros do sinal na região, chegando a até 500 metros, e uma velocidade de 700M (megabit por segundo), o dobro da alcançada hoje pelo sistema 4G.

Além disso, o uso em uma luminária pública, como explica o gerente de Novos negócios da ABDI, Tiago Faierstein, busca suprir a necessidade de se ampliar a cobertura do 5G, uma tecnologia que usa ondas curtas, e exige, por isso, até cinco vezes mais antenas, e estruturas maiores, do que as usadas no 4G. “O poste, no Brasil, é uma estrutura privada, pertence às concessionárias de energia, enquanto as luminárias são do município, por isso a ideia de colocar as antenas dentro da iluminação pública”, disse ele. “Os municípios também poderão gerar receitas acessórias comprando essas luminárias com o 5G e alugando para as operadoras”, cita.

O programa Conecta 5G é uma parceria da prefeitura de Curitiba, Ministério das Comunicações e Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI) e o evento desta quarta-feira contou com as presenças do prefeito Rafael Greca; do ministro das Comunicações, Fábio Faria; do governador do Paraná, Carlos Massa Ratinho Junior; e do presidente da Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), Igor Calvet, além de executivos de empresas parceiras do programa, como Ligga Telecom, Nokia, Juganu e Qualcomm, e outras autoridades.

Além de Curitiba, o Conecta 5G atenderá, em breve, mais 13 cidades, entre elas as paranaenses Pato Branco e Foz do Iguaçu. A fase de testes dura 36 meses.

Source: https://www.gazetadopovo.com.br/parana/primeiro-passo-para-internet-das-coisas-curitiba-ganha-luminaria-com-5g/